| RESENHA | Em Busca do Príncipe (não) Encantado: Meus Quinze Anos - Alice Raposo

by - 11 agosto



Skoob – Avaliação: 3/5. 
O livro A procura do Príncipe (não) encantado contém uma linguagem simples e uma história com vários assuntos como: aborto, traição, estupro, etc. No primeiros parágrafos do livro conhecemos nossa protagonista Maria flor ou Flor, com 25 anos. Ao passar suas férias no Nordeste, onde mora sua mãe Clara encontra seus diários de quando era adolescente. Decidida a termina-los relata os acontecimentos dos seus quinze anos.

Crescida sem a figura de um pai, foi mimada por sua mãe e sua vó Nina. Cresceu escutando histórias de príncipe e princesas, ao quinze anos sonha em encontrar seu príncipe encantado no dia do seu baile. O que ela não espera é que ela terá que lidar com varias coisas acontecendo ao mesmo tempo. Será que Maria Flor saberá lidar com tudo?
Em busca do Príncipe (não) Encantado, é contado pela própria protagonista Maria Flor. No auge dos seus 25 anos vai passar férias no nordeste na casa de sua mãe Clara. A mãe manda a nossa Flor organizar “as tralhas” que ela deixou para trás. No meio dessa organização, ela encontra na antiga biblioteca os diários de quando era adolescente.
Nesse ar de nostalgia ela chega a seguinte conclusão: “Achei tão legal reviver tudo e resolvi voltar a escrever um diário contando um pouco de minha história a partir dos quinze anos.”


Maria Flor conta como foi os encontros e desencontros de uma adolescente apaixonada, que sonha em viver um conto de fadas. Nesse contexto, acontece o seu primeiro encontro com o garoto que para ela era um príncipe encantado!

Mas como nem tudo são flores, ela vive um dilema de não saber quem é seu pai. Na busca desta descoberta ela acaba lendo um diário de capa preta, no qual sua mãe guardava seus segredos mais sofridos. Assim, nossa protagonista descobre um acontecimento muito triste na vida da sua mãe.

No meio disso tudo ela tem seus amigos: Tiaguinho, Ângela e Aninha. Os quais ela chama de “quarteto inseparável”, os quais andam sempre juntos. Se você se encontrasse com um, era certeza que os outros três também estariam por perto, como ela mesma diz.

Em busca do Príncipe (não) Encantado é um romance que começa numa segunda e termina na segunda seguinte. Dentro dessa pequena semana de muitas descobertas e acontecimentos na vida da nossa Maria Flor, há o seu baile de quinze anos no sábado.
Em busca do Príncipe (não) Encantado nos deixa a certeza que a vida é um eterno aprendizado!
Escritora de poemas, contos, peças de teatro, romances, ficção científica e mistério.
Livros: Maria do Sol, Em busca do Príncipe (não) Encantado e Guerreiros dos Mundos.
Contos: Chaplin e sua Rosa, Buracos no Tempo e Caminhos.

Para adquirir o livro, clique aqui.


You May Also Like

0 comentários